segunda-feira, 9 de novembro de 2015

Cullen Bunn sai de Aquaman depois de duras críticas

O surgimento do DCYou não trouxe apenas mais primeiras edições para algumas séries, ela também implementou a participação do leitor nos assuntos da DC Comics. Já vimos o impacto que uma conversa no Twitter teve no roteiro de Liga da Justiça 3001, mas agora foi a vez de Aquaman.


Durante uma sessão de perguntas e respostas no Reddit, Cullen Bunn anunciou sua saída do título do Rei da Atlântida, com sua última participação acontecendo da edição 48, a ser lançada ainda em janeiro de 2016. O motivo? Uma leva de reações negativas dos fãs desde a reformulação da personagem na edição 40, logo depois de Convergence.

"Eu queria sair desde a minha primeira edição, que já teve críticas brutais e desanimadoras dos fãs, mas meu editor, que é maravilhoso, me pediu que ficasse, então continuei." disse Bunn. "Foi uma posição totalmente diferente da personagem, muitos fãs assíduos do Aquaman não aceitaram bem. Fui acusado de não falar sobre a revista, mas sempre que falava, ganhava tuítes e emails de ódio. Eu não preciso disso e me faz abominar a personagem. No final, eu acho que essa não era a história a se contar do Aquaman, então achei que era tempo de passar para outra. Outra pessoa pode vir e ser o herói."

Bunn também disse que houveram outros motivos, mas que era melhor não alongar o assunto. Porém, ele ainda continua seu trabalho na editora, com Lobo e Lanterna Verde: Exército Perdido, que acabam ainda esse ano, e a revista solo de Sinestro e sua Tropa Amarela.

Escrito por: Rodrigo Castello
Fonte: Newsarama

0 crises:

Enviar um comentário