Avançar para o conteúdo principal

Gotham S02E03 - The Last Laugh - Análise

O terceiro episódio de Gotham, Last Laugh, já traz uma possível revelação logo com seu título, marca o fim de uma personagem dentro da série e abre portas para futuras aparições no roteiro. Perdendo a qualidade que parecia ter adquirido, veja o que achamos desse episódio:


Depois da morte da comissária Essen, esse episódio nos trás um Gordon sem o mínimo de calma e fazendo de tudo para vingar a morte de sua amiga, mas a adição de Leslie na série foi justamente pra quebrar isso, pra mostrar uma luz no fim do túnel de Gotham e fazer Jim se controlar um pouco. Muito diferente de quando Barbara era o interesse amoroso, o que me faz pensar, como ela é a mãe dos filhos - Babs e Gordon Jr.-, o caminho que estão seguindo com a personagem não pode anular totalmente esse possível futuro?

Tirando todo o clima que a série consegue criar, mesclando os anos dourados com os dias atuais - moda dos anos 20, celulares, carros dos anos 60 -, e uma cena com o Pinguim que, sejamos sinceros, foi a melhor coisa do episódio e teve apenas alguns segundos de tela, junto do Alfred passando vergonha também.


'Last Laugh' foi um ode ao Coringa, não ao Jerome, que foi uma tentativa da série, agora confirmado, de iniciar o mito do Palhaço do Crime, mas uma salva de homenagens a própria personagem, todo o episódio é construído para culminar nesse único ponto, a origem do maior nêmese do Morcego. O pai do Jerome até profetiza o ocorrido. A risada, o sorriso, a arma falsa, a voz, ta tudo ali.

As infinitas teorias, até a que defendemos aqui, que Jerome já era o Coringa, caíram por Terra. Mas isso não é uma alegria, porque mesmo assim ele entra para o hall de inspiração, é ele quem vai criar o Coringa em Gotham, deixando sua marca na cidade, a risada mais característica dos quadrinhos e o sorriso congelado daquele cadáver, não podemos falar quem, né?, que fecha o episódio.

Agora podemos descansar, sabendo que um dos pilares da Bat-Mitologia pode descnsar tranquilo por enquanto, até a próxima sessão de brainstorm dos roteiristas, pelo menos. Mas uma pergunta que fica no ar, como Galavan não foi preso pelo que fez?


Nota 3,0. Espero que Gotham renasça depois desse episódio 'marcante' para o seriado e, infelizmente, para os vários fãs do Jerome que por aí existem

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Invasão - Por onde começar a ler X-Men

O grupo mutante X-Men é um dos maiores títulos da Marvel e sempre compete pela liderança de maior número de edições vendidas da editora e isso é um reflexo da qualidade de seus personagens e histórias.

ESPECIAL: Constantine - Ordem de leitura!

Com tanta série vindo por aí, querer conhecer um pouco mais do que está chegando pode parecer uma boa ideia. Saiba o que ler para ter um conhecimento sobre o  mago inglês mais famoso da DC Comics e estar preparado para o que pode vir a ter na série.

Sweet Tooth #02

Estava bastante ansioso para saber o que sairia desta HQ no segundo episódio. A primeira edição foi boa, e poderia esperar tanto uma estagnação da história, como uma reviravolta. Felizmente, o melhor aconteceu.