Avançar para o conteúdo principal

The Flash S01E10 Revenge of the Rogues - Análise

O Velocista Escarlate! Um dos episódios com mais química entre os atores, juntando a experiência e a amizade no set de filmagens, e a continuação de Going Rogue, primeiro episódio a explorar a Galeria de Vilões do Flash. Marcado por apresentações de mais personagens, Revenge of the Rogues continua a sequência de excelentes episódios. Cuidado com os spoilers:


Depois de aparecer no piloto, a Ferris Aeronáutica volta como campo de treinamento. Além da volta do easter egg e citação de Ghost Busters, já podemos perceber sinais do Flautista, principalmente com sua família sendo a vítima escolhida por Mick Rory e Leonard Snart.

Para os desavisados, Mick Rory apareceu no final de Goig Rogue, acendendo um fósfuro durante a conversa com Snart, o Capitão Frio. Rory é o Onda Térmica, vilão obcecado por chamas, um pirotécnico, retratando um dos trajes mais próximos dos quadrinhos, com queimaduras, óculos e até um macacão. 

A estrela de ouro do episódio vai para os dois, a quimica de Wentworth Miller e Dominic Purcell trazem toda a experiência adquirida em Prision Break, onde os irmãos tentavam fugir da cadeia. Com trocadilhos de ambos, ressaltando a dicotomia do gelo e fogo, vemos a formação da Galeria. O roteiro do episódio ficou por conta de Kai Yu Wu e Geoff Johns, os mesmos encarregados de Going Rogue, continuando com a bela trama e deixando um excelente gancho para o próximo episódio com os dois e, com certeza, um terceiro membro.

Temos um destaque para a primeira citação das outras partes do Nuclear, Jason Rusch e Dr. Martin Stein, ambas as personagens já dividiram a mente com o corpo de Ronnie Raymond nos quadrinhos. Rusch até aparece e explica aspectos do projeto Nuclear.

Jason Rusch
Esse décimo episódio mostra, nitidamente, a diferença entre Flash e Arrow. O humor e as cores já indicaravam isso muito bem, porém, o heroi de Central City não é um vigilante sombrio. Se mostrando e trabalhando ao lado da polícia, o Homem Mais Rápido do Mundo agora é reconhecido pelos policiais e tem a confiança das pessoas. Até mesmo os Laboratórios STAR voltam a passar um lado positivo. Mesmo encarredado da força tarefa que quer captura-lo, até mesmo Eddie da um sorriso.

Nota 10,0. O episódio é tão bom que o Dr. Wells quase se levanta da cadeira de rodas. O easter egg de Space Ghost é sensacional e temos mais um Snart na jogada, que apareceu bem de surpresa. Aprensentando tantas novas personagens, a espera dos poderes de Cisco e Caitlin começam a deixar o fãs cada vez mais ansiosos.
Acertos: Galeria, efeitos, figurino, roteiro.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Invasão - Por onde começar a ler X-Men

O grupo mutante X-Men é um dos maiores títulos da Marvel e sempre compete pela liderança de maior número de edições vendidas da editora e isso é um reflexo da qualidade de seus personagens e histórias.

ESPECIAL: Constantine - Ordem de leitura!

Com tanta série vindo por aí, querer conhecer um pouco mais do que está chegando pode parecer uma boa ideia. Saiba o que ler para ter um conhecimento sobre o  mago inglês mais famoso da DC Comics e estar preparado para o que pode vir a ter na série.

Supergirl, Lanterna Vermelha

Não é de hoje que a Supergirl tem alguns problemas em controlar sua raiva e alguns sentimentos mais fortes e, de acordo com o novo escritor de Supergirl, Tony Bedard diz que Kara vai evoluir de uma adolescente cheia de raiva para uma adulta, defensora da Terra. Mas primeiro, ela tem que se livrar dessa fúria da juventude! Cuidado com os spoilers: