Avançar para o conteúdo principal

The Flash S01E04 - Going Rogue

Ele correria e de repente seria poeira em um traje vermelho? O quarto e melhor episódio marca ainda mais pontos na escala de easter eggs do Universo DC. Tirando ótimas referências, a formula do vilão da semana começa a montar uma boa história para os próximos capítulos e as personagens começam realmente a depositar mais confiança em seus parceiros.


Um esquadrão de segurança chamado Falcões Negros, direto dos famosos aviadores dos céus da DC, transporta um diamante da dinastia Kahndaq, lugar de origem do soberano Adão Negro, maior inimigo do Shazam. Tudo isso na mira de Leonard Snart, o Capitão Frio e, pra deixar tudo melhor, sua primeira fala foi "Fica frio", porque trocadilho é o que não falta quando se é um vilão e sua marca registrada é o gelo.
Ei, fica frio.
Dessa vez, o Museu de Central City tem um destaque bem maior, onde o maior herói de Central City é homenageado, Bovine McFeely, o salvador de gado. Em suas sequências, podemos ver Dexter Milles, o fundador do Museu Flash, esse mesmo lugar, só que no futuro, mostrando então o seu maior herói.

Em uma conversa dentro da central de polícia, sobre o Streak/Raio, Barry quase se chamou de Flash, mas foi interrompido por Iris. Outra referência, que quase passa despercebida, é quando o detetive West começa a falar sobre Leonard e Barry diz, "Leonard? É um nome tão ruim quanto Bartolomeu.", até parece que ele não sabe que seu neto, no futuro, se chamará Bart(olomeu) Allen e que também será um velocista. Quase nessa mesma sequência, podemos ver um mapa das cidades gêmeas atrás de Barry e Iris.
Não coloque isso no Instagram!
Em mais um cross over com Arrow, Felicity aparece na cidade, para saber como vai a recuperação de seu grande amigo e quase temos o casal perfeito formado, de acordo com as personagens. Apresentando a cidade para Felicity, Barry mostra seus poderes e acaba com parte de suas roupas pegando fogo, devido ao grande atrito da velocidade.


A introdução do Capitão Frio foi uma das mais completas até agora. Houve citação sobre sua irmã, o roubo da arma congelante, o uso de óculos para se proteger da claridade das rajadas de gelo e até o casaco de frio e mais piadas sobre frio. Até as regras que reinam sobre a Galeria de Vilões foram mencionadas.
Faltou uma piada de gelo nessa cena.
A primeira crise da equipe acontece devido ao roubo da arma de gelo, construída para parar o Flash, caso algo desse errado, algo mais leve em comparação ao Irmão Olho de Batman, causando a primeira morte na conta do herói. A falta de confiança causa um abalo entre Wells, Cisco e Barry. Com a ajuda de Felicity, tudo se resolve no final.

Como não podia faltar, a cena final é um dos pontos altos do episódio. Snart aparece num quarto de hotel em Keystone, onde um diálogo sobre um novo tipo de equipe será necessário para continuar o trabalho em Central City. A conversa é com Mick Rory, que ganha a arma de calor, marca registrada do vilão Onda Térmica, mais um integrante da Galeria de Vilões do Flash. Uma curiosidade: os dois atores que interpretam Leonar e Mick, também fizeram Prision Break, sendo os irmãos protagonistas da série.
Você ainda gosta de brincar com fogo?
Apesar de Grant Gustin fazer um excelente trabalho como Flash, o desenvolvimento mais humorístico de Eddie Thawne, incluindo os olhos azuis e cabelo loiro mostram uma boa semelhança com as características originais do herói. Mas isso também pode ser um passo na direção do Flash Reverso.

O primeiro episódio já foi marcado por uma enorme referência a Crise nas Infinitas Terras. Dessa vez, foi Felicity quem deu a deixa enquanto perguntava sobre as limitações de Barry. "Se tudo nele é rápido, ele envelhecerá mais rápido? O que aconteceria se ele corresse muito rápido? Correria e de repente seria poeira em um traje vermelho?". Para os que já leram a mega saga, Barry se sacrifica para salvar todo o universo e, por correr além do seu limite, tudo o que Felicity tinha dúvida é o que acontece, ele corre, envelhece enquanto aumenta a velocidade e, no final, a única coisa que sobra é o traje vermelho.
Puff, poeira e um traje vermelho?
Nota 10,0. É um episódio completo, conseguiu um roteiro que vai montar um futuro brilhante para o seriado e colocou mais bases sólidas para o universo DC na televisão.
Acertos: Personagens, referências, roteiro, câmera, tudo.
Erros: Apenas 42 minutos de episódio.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Sweet Tooth #02

Estava bastante ansioso para saber o que sairia desta HQ no segundo episódio. A primeira edição foi boa, e poderia esperar tanto uma estagnação da história, como uma reviravolta. Felizmente, o melhor aconteceu.

Invasão - Por onde começar a ler X-Men

O grupo mutante X-Men é um dos maiores títulos da Marvel e sempre compete pela liderança de maior número de edições vendidas da editora e isso é um reflexo da qualidade de seus personagens e histórias.

ESPECIAL: Constantine - Ordem de leitura!

Com tanta série vindo por aí, querer conhecer um pouco mais do que está chegando pode parecer uma boa ideia. Saiba o que ler para ter um conhecimento sobre o  mago inglês mais famoso da DC Comics e estar preparado para o que pode vir a ter na série.