Avançar para o conteúdo principal

Crise Conversa: Porque a DC já não é mais a mesma?

Sim, nós somos o Crise nas Infinitas Comics, um blog voltado principalmente para o conteúdo que a DC Comics publica pelo mundo, mas queremos saber, porque a DC está decepcionando alguns de seus fãs? As grandes editoras mudam muito, cancelam seus títulos, despedem e contratam gente a torto e a direito, mas a pergunta é direcionada a Detective Comics e, por efeito de flame war, também foi para o lado da Marvel, é claro. Aqui veremos a guerra de opiniões dos nossos redatores e também queremos ver qual a opinião do nosso fiel leitor.

Cuba: Não acho que decepciona nada. O mercado de quadrinhos das grandes editoras sempre foi volátil, já que elas prezam cada vez mais os números/vendas e não a arte em si. A DC veio com o reboot, cortando a perna de muita gente, porém, algumas publicações se salvaram, Mulher Maravilha, Aquaman, Flash, Homem Animal, Monstro do Pântano são belos exemplos. O tempo passou e algumas equipes criativas foram mudando e o nível também mudou. Mesmo que a DC esteja mudando de uma ponta do país para a outra e esteja mais confusa do que jamais esteve, acho que ainda tem quem lute pelas histórias, como a dupla Manapul e Buccellato, Grant Morrison, Johns e Romita Jr. em Superman e por aí vai. Eu acho que quem se decepciona com a industria atual dos quadrinhos não sabe muito do que fala.

Ricardo:  Decepciona nada.

Cuba: Isso aí é conversa de Sidarta e o Alex caiu na dele, certeza.

Alex: DC só cancela mano.

Cuba: Só, verdade...

Sidarta: Decepciona em absolutamente tudo, só não vê quem não quer. 
Quantos nomes de peso sobraram na DC?
Sério, abra as revistas da DC desse mês e olhe bem quais são autores e desenhistas consagrados e quais são os que você nunca ouviu falar. O abismo é imenso. A cada ano que passa mais nomes de peso debandam da DC por culpa de sua política de controle editorial pesado, manipulado pela Warner, e sobraram o que? Meia dúzia de grandes nomes.
Histórias boas?
Toda vez que ouço alguém falar de histórias boas nos Novos 52 eu ouço 4, no máximo 5 exemplos. 5 exemplos em 52 revistas é uma proporção que mostra que menos de 10% das revistas da DC podem ser consideradas "boas".
Uma editora que corta 90% dos seus bons heróis, heróis que não tem nenhuma chance editorial a décadas, pra bombardear o mercado com revistas de Batman, Superman e Lanterna Verde é considerada boa?
Uma editora que não ganhou UMA indicação ao Eisner desse ano é considerada boa?
Capaz 3D, metalizadas, com Lego e etc são muito legais sim, mas o conteúdo delas é simplesmente lastimável.

Cuba: Conversinha. Fui procurar as solicitações da Marvel pra esse mês e só achei 8 nomes conhecidos. Brian Michael Bendis ta encabeçando umas 6 revistas. Só no começo dos da DC, já achei o mesmo número. Essa conversa de nomes novos ser ruim é uma balela absurda cara, o mercado tem que renovar, Manapul e Buccellato pegaram Flash sem serem conhecidos, fizeram um excelente trabalho e estão em Detective Comics agora. A DC corta os caras por puro dinheiro, duvido que a Marvel também não faça, só pegar o exemplo do Quarteto Fantástico, que vai ser cancelado porque eles não querem dar lucro pros filmes da FOX.

Sidarta: Jason Aaron e Mike Deodato na Original Sin. James Robinson no Quarteto Fantástico. Mark Waid no, sensasional e vencedor do Eisner, Demolidor. Brian Michael Bendis encabeça revistas do X-Men e dos Guardiões da Galáxia, ambas de qualidade alta. Rick Remender nos Vingadores. Greg Rucka no Cyclops. Frank Cho desenhando várias coisas. Chris Claremont escrevendo Noturno. Greg Pak escrevendo Tempestade. Peter Milligan, Michal Allred, Esad Ribic, cansei.

Cuba: Morrison, Ivan Reis, Joe Prado, Lemire, Johns, Azzarelo, Jurgens, Giffen, DeMatteis, Paul Pelletier, Marv Wolfman, Scott Lobdel, Dan Didio, Justin Gray, Paul Levitz, Cliff Chiang, John Romita Jr, Tony Bedard, Scott Snyder, Peter J Tomasi, Manapul, Buccellato, Gail Simone, Ethan Van Sciver, Kevin Smith, Stjepan Sejic, Tom Taylor...

Sidarta: Lemire, esse já saiu (errata: voltou). Jurgens, sério? Didio? Mano, sua lista não tem quase ninguém que merece ser mencionado! É a questão é "porque a DC está ruim atualmente. Puxar briguinha com a Marvel agora só prova sua fanboyzice e falta de argumentos. Olha o meu primeiro texto se eu mencionei a Marvel.

Cuba: Eu não to puxando briga cara. Eu só acho que é a mesma coisa, sempre foi. As duas pensam em dinheiro, eu não to lendo coisa atual de nenhuma das duas direito pra falar mais do que isso. Do que eu leio de review em site gringo e notícia falando de vendas e comparações, as duas estão iguais. Marvel tem a dianteira em um monte de coisa, assim como a DC. Se for pra comparar qualidade, eu fico nominando HQ independente aqui que é mais fácil. Qualidade é uma coisa quase que desprezada pelas grandes editoras, se ta 'bom o suficiente', eles vendem e acabou, o fã comprando, eles continuam, não comprou, muda. Eu fui comparar as duas em coisas que vão sair nesse mês, só isso. Provavelmente não conheço tantos nomes da Marvel porque são exclusivos de lá e, nas minhas leituras, eles não estão. Eu to lendo as coisas da Salvat e até as que você me indica, justamente pra começar a entender direito as coisas, ai tu vem e me acusa de fanboy haha

Sidarta: Cara, eu leio DC a 8 anos aconpanhando religiosamente. Não é estranho um cara que comprava TODAS mensais da DC parar de comprar todas de repente? Não é estranho um cara que sempre amou DC desde criança falar mal da editora? Oque me irrita é essa negação de ficar falando "não, a DC ta legal, as coisas são assim mesmo" Não são!!! De tudo que eu li na DC até agora eu nunca vi algo tão ruim quanto essa fase atual! Se você compra as mensais da DC e se sente satisfeito, eu não consigo te entender.

Cuba: Vou falar a mesma coisa que eu disse quando te encontrei, eu não to comprando quase nada porque to sem grana, as coisas que eu acompanho, são as que estavam boas e as que eu lia porque gostava quando ainda conseguia comprar. Já devo estar atrasado mais de um ano em publicações atuais e, muito provavelmente, li menos que você. No visão de leitor, deve estar uma merda mesmo, já que você ta falando e olhando a quantidade de cortes e mudanças que a DC ta fazendo, pela mudança de sede e pelos motivos da Warner que quer cada vez mais dinheiro. Pra falar a verdade, até as revistas que eu mantive a leitura, ficaram pra trás, não gosto de ler scan e acabei lendo o que eu tinha em mãos aqui em casa. Então, se você ta falando, quem sou eu pra pensar outra coisa? Eu não me sinto satisfeito comprando as mensais porque eu não sei o que ta acontecendo, além das coisas que eu tenho que ler pra fazer as notícias que são postadas no Crise.

Sidarta: Você também sabe muito bem que eu cansei de quadrinhos de super heróis. Eu me mantenho atualizado na Comix porque lá eu consigo ler muita coisa sem comprar nada, a única revista mensal que eu ainda compro é X-men. Eu falo que Vilania Eterna é medonha de ruim, mas Era de Ultron também é. Nesse mercado cada vez mais repetitivo e viciado de super heróis eu me vejo lendo sagas antigas, quando a qualidade era levada a sério. Ando lendo mais mangás, coisas independentes e revistas antigas. E o selo Vertigo, que trouxe tantas alegrias e histórias maravilhosas, também está morrendo. Por que? Porque a DC matou o selo editorialmente. É completamente triste ver isso acontecer.

Cuba: Eu to na mesma que você então porra xD Só leio coisa antiga e boa, meus mangás que ainda estão na pilha de leitura e, ocasionalmente, um scan ou outro, que não consigo me conter. Sim, antigamente a qualidade era a primeira questão, por isso é tão difícil ler coisas atuais quando não são realmente boas. O papo do momento é dinheiro e vemos que Forever Evil não é uma coisa séria, apesar de mudar bastante o UDC, quando colocam o lixo do Finch na cabeça.

Alex: Falar que a DC está completamente ruim é um exagero, mas não perceber que a decadência dela é visível e preocupante é ser cego.
A DC, dona das melhores sagas e graphic novels do mercado, perdeu a mão no que se trata de inovar e agradar. Uma prova? Somente uma série da DC fora indicada esse ano no prêmio Eisner, "the Awake". Série que está saindo pelo abandonado selo da DC desde "os Novos 52": a Vertigo. Junto a finalização de muitas séries de tal selo (Hellblazer, Fábulas...) para tentar "adaptar" elas ao selo mainstrean. A DC está mais preocupada, hoje em dia, em estar no top 10 de quadrinhos - algo que ela vem fazendo bem - mas esta se esquecendo de como entregar produtos de qualidade.
Com a perda de grandes nomes e o cancelamento de muitas revistas que não se enquadram no conceito atual da empresa - de um blockbuster por mês, com bastante ação e pouca fala - a DC está se contradizendo. Perceba em fatos: quero ver alguém dizer que "A ira do Primeiro Lanterna" é realmente melhor ou até mesmo igual a "Ascensão da Tropa dos Lanternas Amarelos", dos antigos 52. "Ah, mas o escritor é o mesmo" não é um argumento válido. As preocupações do "escritor" mudaram de lá pra cá. E bastante.
No inicio dos novos 52, as mais aclamadas pela crítica eram: Aquaman, Mulher Maravilha, Eu Vampiro, Monstro do Pântano, Homem Animal, Batwoman. Capaz de eu estar esquecendo algo, é claro, mas era mais ou menos isso. Eu vampiro e homem animal foram canceladas, Monstro do Pântano e Mulher Maravilha e Batwoman tiveram sua equipe mudada - e a qualidade caiu instantaneamente. Entre outros cancelamentos, hoje em dia temos DIVERSAS revistas do Batman e do Superman, mas e o resto? A DC quer que o "super" venda, quer ficar estagnada nos seus hits dos anos passados enquanto esquece de impressionar como fez anteriormente com "Sandman" ou "Hellblazer".
Claro que algumas coisas boas ainda existem, Multiversity e o próprio The Awake estão aqui para provar, mas são as únicas coisas diferentes. Com tantos nomes novos e possíveis grandes personalidades, ficar preso na mesmice mediana é realmente o ideal? Não comparo a DC com a Marvel porque, hoje em dia, na minha sincera opinião, as duas são iguais. A Marvel só tem X-Men de realmente bom, e a DC só tem as novas apostas, porque as antigas já estão saturadas demais.

Cuba: Vocês tem que ler The Multiversity.

Alex: É isso mesmo. A DC matou >tudo de bom< e excluiu >todo mundo que queria mudança< pra ter 8 revistas da bats, 5 do Superman e 7 de lanterna verde. Cade o resto?? A DC dos antigos 52, que tinha 4 revistas ruins no máximo, é a oposta da DC dos novos 52, que tem 4 revistas boas no máximo. E sobre o mimimi de vocês de Marvel x dc. AS DUAS ESTÃO IGUAIS. A Marvel tem o que hoje em dia? Xmen. Hawkeye já foi cancelado, as coisas boas "não mutante" da Marvel são complicadas. Superior Spider Men dá pena até.

Cuba: AI Ó CARALHO! Eu to falando que as duas fazem a mesma coisa, o co-fundador ai que não quer aceitar!

Alex: A Warner/DC teve os culhões de tirar o Green Arrow do Sorrentino com o Lemire pra colocar OS ROTEIRISTAS DE ARROW. ME RESPEITA. NÃO MECHE NO SORRENTINO!

Cuba: Isso é um absurdo.

Alex: Cuba, não se empolga porque se o seriado do Flash fizer sucesso, é o amor da sua vida que a warner vai querer matar

Cuba: Que nada, Manapul e Buccellato já saíram de Flash xD Meu ódio eterno que pegou a publicação agora, Bret Booth  Odeio o que ele fez com Titans...

Alex: Aquaman continua "bom" em roteiro, ao menos. Por ser um herói que não vende mas é icônico, a Warner/DC deixa ele lá. Que nem, por exemplo, Wonder Woman. Que era INCRÍVEL e agora está aceitável.

Cuba: Wonder Woman vai mudar também, quero só ver...

Alex: O que me irrita é como fã da Marvel é escroto. Falando que a Marvel "inovou" em um thor mulher, capitão américa negro e herói gay. Cara, Superman negro, Flash negro, Flash mulher, Constantine bissexual, Arqueiro x Lanterna falando sobre racismo e trabalho ilegal (nos anos 80!!!) acorda marvete, a Marvel só é melhor pra fazer escândalo, porque a dc já fez tudo o que a Marvel fez. mais de dez anos atrás.

Cuba: Ricardito viciado em herorína! Mas, infelizmente, a DC cortou quase tudo isso nos Novos 52 xD Waller ta magrela e tals, mas mesmo assim transformou o Alan Scott em homossexual, deixou Wally West negro, dessexualizou um pouco a Batgirl com a Gail Simone e tals. A Marvel tava se provando bem diversificada até lançarem uma capa da Mulher Aranha pelo Milo Manara e virar o assunto da internet nesse mês e dar um tiro no pé de tudo o que vinha montando em questão de diversidade. Mas sim, a DC já teve bem mais diversidade e assuntos polêmicos (sendo tratados em pleno Comic Code Authority), do que a Marvel.

Acabou?! E então leitor, depois de ler tudo, ou algumas partes, o que você achou dessa pequena guerra e ótima conversa sobre o mercado de quadrinhos atual? Poste nos comentários e bora conversar!

Comentários

  1. O Homem de Ferro já foi negro nos anos 80 também, as HQs do Cap. América lida com questões de racismo (com seu parceiro Falcão, por exemplo) e homossexualidade desde os anos 70/80. Isso porque dessa época o único título que eu conheço direito é o do Homem Aranha e que X-Men continua sendo Marvel. Uma coisa que a DC tem de vantagem mesmo é que a Marvel nunca teve uma linha adulta bem definida como a Vertigo.
    Agora, racismo, machismo e homofobia só irão acabar quando um artista puder fazer seus personagens do jeito que quiser, seja negro, gay ou loiro, simplesmente por sua liberdade criativa e ninguém se sinta ofendido nem honrado com esse tipo de coisa.
    Em relação a essas mudanças atuais, eu vi só como mais uma de muitas mudanças pelas quais os personagens passam e a galera que fica fazendo estardalhaço como um bando de idiotas.
    Indo para a pauta do post mesmo, as editoras passam por altos e baixos, é quase natural. Até hoje tenho pesadelo com os anos 90 da Marvel. Hoje em dia, a Marvel está bombando, porque seus filmes têm feito muito sucesso e as HQs são uma maneira de popularizar os personagens. Se isso é bom de um lado, é ruim, porque temos um rato sedento por dinheiro dizendo o que deve ou não deve ser feito nas HQs. Mas essa febre de filmes de heróis um dia passa também, assim como a fase ruim pela qual a DC passa.

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Invasão - Por onde começar a ler X-Men

O grupo mutante X-Men é um dos maiores títulos da Marvel e sempre compete pela liderança de maior número de edições vendidas da editora e isso é um reflexo da qualidade de seus personagens e histórias.

ESPECIAL: Constantine - Ordem de leitura!

Com tanta série vindo por aí, querer conhecer um pouco mais do que está chegando pode parecer uma boa ideia. Saiba o que ler para ter um conhecimento sobre o  mago inglês mais famoso da DC Comics e estar preparado para o que pode vir a ter na série.

Supergirl, Lanterna Vermelha

Não é de hoje que a Supergirl tem alguns problemas em controlar sua raiva e alguns sentimentos mais fortes e, de acordo com o novo escritor de Supergirl, Tony Bedard diz que Kara vai evoluir de uma adolescente cheia de raiva para uma adulta, defensora da Terra. Mas primeiro, ela tem que se livrar dessa fúria da juventude! Cuidado com os spoilers: