Avançar para o conteúdo principal

Crise Conversa: uma nova Trindade!

A tradicional Trindade da DC, Superman, Mulher Maravilha e Batman já foi fruto de boas histórias, o lendário trio de herois salva a Terra e, aos finais de semana, sai pra beber uma cerveja. A reunião dos personagens mais emblemáticos da DC causa um afeito até que místico dentro do Universo, dando pano para uma ótimo aventura, também chamada de Trindade. Porém, queremos saber, se esses três não fossem a Trindade dos Quadrinhos, quem seriam? Confira as respostas de nossos redatores pé rapados!


Cuba: Aquaman, Flash e Fogo! Arthur já provou que consegue comandar a Liga, na verdade, ele não precisa provar que consegue mandar em tudo, porque ele é o Rei da Atlântida. Tão forte quando a Mulher Maravilha e até mesmo daria uma canseira no Superman, acredito que o Aquaman possa sim, tomar o assento da frente. Quanto a ciência e pensamento rápido, Barry Allen é um cientista e consegue resolver casos tão bem quanto o Morcego e, ainda por cima, tem poderes. Convenhamos, o humor dos Flashes é muito melhor do que qualquer um da Batfamília. Agente da policia secreta brasileira, presidente das Empresas Wayne da américa latina e dona da magia brasileira do fogo, Beatriz Bonilla da Costa é uma das mulheres mais bem sucedidas desse universo DC. Atingindo massa crítica com seus poderes e tendo pleno controle, ela seria uma boa escolha em poder de fogo.

Ricardo Kyo: Se por acaso tivéssemos uma nova trindade, eu a faria sob comando de Hal Jordan. Desta forma, eu colocaria o Lanterna Verde, o Arqueiro Verde e a Zatanna. Fazendo assim um sistema de ordem alienígena + ordem nas ruas + poder místico. Além disso, cada um deles possui seus próprios conceitos, o que daria muita manga para discussões interessantes e momentos de tensão geniais. Esta nova trindade seria tão problemática quanto a original e por isso daria muito certo nas páginas da DC.

Alex: Uma nova trindade é algo difícil de até mesmo tentar decidir. Precisaríamos encontrar o que conseguisse "dar conta" de boa parte dos problemas: os intergaláticos, os terrestres e os mágicos. Para os problemas intergaláticos a minha escolha é rápida. Não só por participar (ou ter participado? difícil dizer hoje em dia) da Tropa dos Lanternas Verdes, Kyle Rayner, mas também por ser um dos Lanternas que mais conseguem resolver as coisas - da forma mais rápida e eficiente possível, sem matar ninguém no meio do caminho e ocasionalmente iniciar uma guerra (cof cof Hal cof). Na parte terrestre, teríamos que encontrar alguém que saiba lidar com problemas reais e também consiga melhorá-los. Talvez aqui fique um pouco controverso, mas acho que escolheria o Monstro do Pântano, ícone tênue da paz e grande guerreiro do equilíbrio, Alec Holland aprendeu que, mesmo com todos os problemas acontecendo, um pouco de devoção é sempre necessário; principalmente para salvar a raça humana. Na parte mágica não consigo deixar um dos maiores magos de fora. John Constantine seria facilmente o escolhido. Se ele ia gostar do papel? Difícil dizer, principalmente com Alec no meio da brincadeira, mas John também seria o líder, guiando e tendo as decisões da forma que parece ser melhor. Então é isso, Kyle, Alec e John. Será que daria tudo certo?

E a sua formação, leitor? Comente e nos diga a sua Trindade!


Comentários

Mensagens populares deste blogue

Invasão - Por onde começar a ler X-Men

O grupo mutante X-Men é um dos maiores títulos da Marvel e sempre compete pela liderança de maior número de edições vendidas da editora e isso é um reflexo da qualidade de seus personagens e histórias.

ESPECIAL: Constantine - Ordem de leitura!

Com tanta série vindo por aí, querer conhecer um pouco mais do que está chegando pode parecer uma boa ideia. Saiba o que ler para ter um conhecimento sobre o  mago inglês mais famoso da DC Comics e estar preparado para o que pode vir a ter na série.

Supergirl, Lanterna Vermelha

Não é de hoje que a Supergirl tem alguns problemas em controlar sua raiva e alguns sentimentos mais fortes e, de acordo com o novo escritor de Supergirl, Tony Bedard diz que Kara vai evoluir de uma adolescente cheia de raiva para uma adulta, defensora da Terra. Mas primeiro, ela tem que se livrar dessa fúria da juventude! Cuidado com os spoilers: