Avançar para o conteúdo principal

Primeira Edição: Vilões no Cinema, Parte Dois

Semana passada falei sobre os vilões mais maneiros que apareceram nos cinemas, juntos dos mais porcamente adaptados. No Primeira Edição de hoje vai tratar do futuro que podemos ter pela frente, quais os assassinos, ladrões, gênios do mal, carecas onipotentes, que queremos na telona. Brainiac, Deathstroke, Atrocitus, Black Manta, Darkseid e o Anti-Monitor!


Alguém consegue me explicar como isso ainda não aconteceu? Brainiac é um dos seres mais inteligentes do universo, conseguindo passar a perna até mesmo em Lex Luthor, que já teve suas várias participações no decorrer dos seis filmes do escoteiro azul. Imagina um longa explorando os chips de controle mental que sempre estão nos roteiros, daria um belo Liga vs Liga ou, até mesmo, o Protocolo LJA entrando em ação.

Slade Wilson já mostrou que pode ser um puta vilão em Arrow, tendo quase toda sua origem contada, o caminho para a vilania e o suposto ponto final em sua carreira, porque claro, uma prisão vai deter o melhor mercenário do mundo. Mas pensa comigo, Contrato de Judas. Um filme dos Jovens Titãs, mostrando toda a confiança no time para, em certo momento, termos a revelação de que o Exterminador está por trás de tudo de ruim que ta rolando. Pagaria uma boa grana pra ver esse filme. Se você não se satisfaz com esse cenário, é só lembrar do papel que ele teve em Crise de Identidade, colocando toda a Liga daquele cenário, no chão em questão de que, segundos?

Esse é material de trilogia, se em 2017, a DC/Warner resolver fazer um reboot descente em Lanterna Verde. Atrocitus não só daria um excelente vilão, como é o fundador da Tropa dos Lanternas Vermelhos, como foi o motivo principal da nave de Abin Sur ter caído na Terra, tornando Hal Jordan o primeiro oficial terrestre da Tropa dos Lanternas Verdes, representando o setor 2814. Fora que vômito de napalm vermelho em 3D seria a coisa mais linda do mundo. Teríamos uma participação dele no primeiro filme, que ia tratar da ascensão da Tropa Amarela e, em uma sequência, o início da Noite Mais Densa, mostrando o Mão Negra e Atrocitus como os principais antagonistas para, na conclusão da trilogia, termos a batalha final, entre as 7 tropas e a aniquilação da tropa negra.

Que jeito melhor de fazer um filme do Aquaman, que não apareceu naquela lista dos próximos filmes da Warner/DC, do que colocar o Arraia Negra como seu principal vilão? Podemos tomar como exemplo o segundo arco da revista do peixoso nos Novos 52, com Arraia caçando Os Outros em busca das relíquias atlantes? Contar essa história no cinema seria sensacional, provavelmente a adição do antigo time de Arthur poderia deixar o filme um pouco confuso mas, contanto que eles apareçam numa sequência, iniciar a carreira do Aquaman nos cinemas com uma aventura dessas seria histórico. Ainda mais com uma passagem pelo Brasil. A origem da rivalidade entre os dois pode render uma das melhores adaptações que o cinema pode chegar a ver.

A maior ameaça galática da DC já tem seus rumores para aparecer no filme da Liga da Justiça em 2017, mas especular suas aventuras não custa nada. A Marvel já apostou em Thanos, sua contra parte nos mesmos moldes de Darkseid, o vilão sisudo que quer conquistar tudo o que vive. Quem estrear primeiro, leva o prêmio, quem ficar pra trás, pode ganhar uma 'fama' de copiona. Independente de quem soltar primeiro, o Novo Deus regente de Apokolips já enfrentou a Liga inúmeras vezes na procura da Equação Antivida, tem raios ômega que saem de seus olhos e é o responsável pela morte de uma das encarnações do Sr. Destino, um dos maiores místicos do universo DC.

Por fim, para aqueles que não desejam ver um deus como inimigo, temos o Anti-Monitor. Ele começou a Crise que deu nome a este blog, participou da Tropa dos Lanternas Amarelos, foi parte da bateria central da Tropa dos Lanternas Negros, foi uma ferramenta na Crise Infinita e (spoiler!) retornou aos Novos 52 destruindo o universo da Terra-3, lar do Sindicato do Crime, ele agora quer a cabeça de Darkseid para sua coleção. Um filme com ele seria de proporções épicas, com direito a aparição pós-créditos em outros longas e toda uma construção a sua volta, do mesmo jeito que estão fazendo com Thanos.

Faltou alguém? Claro! Gorila Grodd, Flash Reverso, Capitão Frio, toda a galeria de vilões do Flash, mais Lex Luthor, repeteco do Sinestro, Bizarro, Grundy, Adão Negro, Doutor Silvana, Doutor Ivo e uma porrada de malucos. E o que você achou, leitor, quem mais faltou por aqui e porque, pode comentar!


Comentários

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Invasão - Por onde começar a ler X-Men

O grupo mutante X-Men é um dos maiores títulos da Marvel e sempre compete pela liderança de maior número de edições vendidas da editora e isso é um reflexo da qualidade de seus personagens e histórias.

ESPECIAL: Constantine - Ordem de leitura!

Com tanta série vindo por aí, querer conhecer um pouco mais do que está chegando pode parecer uma boa ideia. Saiba o que ler para ter um conhecimento sobre o  mago inglês mais famoso da DC Comics e estar preparado para o que pode vir a ter na série.

Supergirl, Lanterna Vermelha

Não é de hoje que a Supergirl tem alguns problemas em controlar sua raiva e alguns sentimentos mais fortes e, de acordo com o novo escritor de Supergirl, Tony Bedard diz que Kara vai evoluir de uma adolescente cheia de raiva para uma adulta, defensora da Terra. Mas primeiro, ela tem que se livrar dessa fúria da juventude! Cuidado com os spoilers: