Avançar para o conteúdo principal

Invasão: Review de X-Men - Dias de um Futuro Esquecido (com Spoilers)

X-Men: Dias de um futuro esquecido é o filme que está prendendo a atenção do público nos cinemas atualmente, um filme bastante controverso, principalmente devido aos filmes que o antecederam do que por ele mesmo. E é sobre este filme que dou início a INVASÃO.

“Invasão? Que invasão?” A invasão de tópicos relacionados às HQs da Marvel (se preparem para me verem por aqui a partir de agora mwahahahaha!!).

Apenas alguns esclarecimentos iniciais: não sou fã chato que não entende que adaptação não é como na HQ e por isso as críticas que eu fizer serão o mais construtivas possíveis reconhecendo que o filme em geral foi bom!
Indo ao que interessa, a história básica é bastante simples e até fiel à HQ original: Mística matou alguém próximo ao governo o que desencadeou a implementação do programa dos sentinelas caçadores de mutantes e com isso no futuro todo mundo morreu ou está sendo morto. Para impedir que isso ocorra os X-Men decidem enviar alguém ao passado para impedi-la.
Aí é que começa a ficar diferente, e muito.
Quem é enviado ao passado é a consciência de Wolverine, porque a viagem no tempo causa um trauma no cérebro que apenas ele poderia suportar graças ao seu dom mutante, e quem tem os poderes para enviá-lo é Kitty Pride (a menina que a princípio só deveria atravessar paredes). O filme não explica nada sobre a lógica de se voltar no tempo e nisso até que é bem parecido com as viagens da HQ.
No passado, Wolverine convence o professor Xavier a ajudá-lo a impedir Mística e por algum motivo eles precisam da ajuda do Magneto, que está preso numa prisão fodástica embaixo do Pentágono. Para libertá-lo solicitam a ajuda de Mercúrio e ocorre a cena realmente mais divertida do filme.


São muitos os pontos positivos do filme, dentre eles, como um colega do blog mencionou comigo, é possível ver que sacrificam ação em prol de diálogo, o que foi muito legal, ainda mais com tantos atores bons (e ganhadores de Oscar) no filme. Isso também acrescentou personalidade aos personagens e deu continuidade ao relacionamento entre eles mostrado em First Class.
Eles também conseguiram fazer um reboot bem no estilo quadrinhos que convence (vi até dizerem que é a Crise das Infinitas Terras dos X-Men da Fox). E as cenas com todo mundo no futuro morrendo foi tão chocante quanto foi no quadrinho (apesar de confirmar que o filme está cheio de personagem bucha de canhão).

Agora, o que foi desnecessauro. O mais óbvio, a bunda do Hugh Jackman (de novo). Eu sei, é para a sua namorada não reclamar tanto de ver mais um filme de super-herói no cinema com você.
Falando em fan service, outro que deve ter passado batido é em relação a Blink.
A personagem Blink (que eu mal sabia que existia) é interpretada pela atriz Bingbing Fan, a mais famosa atriz na China, e ela está no filme apenas para ajudar a conquistar o público chinês. Dúvida? Ela participou de uma cena exclusiva para o cinema chinês em Homem de Ferro 03 (procura no YouTube). Tudo pela grana, mano.
Sobre o enredo do filme posso falar que o Magneto não precisava ser liberto para impedirem a Mística e depois do que ele fez, eu ia ser o primeiro a aprovar o Projeto Sentinela. Ele ameaçou o presidente dos States e todo mundo da alta cúpula da Casa Branca! Ele só provou que o Trask estava certo!
Tem algumas outras coisas que eu gostaria de ter visto, mas não rolou. No quadrinho original o futuro é retratado com um estilo quase Cyberpunk que eu gostaria que tivessem explorado melhor no filme. 


E os roteiristas perderam uma chance de ouro de colocar o Anjo no filme. O Anjo? Por que? Porque ele tem uma relação direta com o Apocalipse. O Anjo deveria ter aparecido, sofrido algum acidente que arrancasse as asas dele para na sequência o Apocalipse “presenteá-lo” com suas asas metálicas e fodásticas
E aí está uma diferença gritante dos filmes da Fox e os da Marvel Studios. A Marvel deixa bem claro seu planejamento, o que a Fox não faz. Apenas como exemplo, em Cap. América II não temos apenas a cena pós-créditos que deixa claro que Vingadores II será uma continuação direta daquele, mas também tem aquele cara que luta com o Falcão bem no final do filme. Ele será o Ossos Cruzados, vilão clássico, em um bem provável Cap. América III.

Por fim, nota: 7,0 (eu sou exigente).


Comentários

Mensagens populares deste blogue

Invasão - Por onde começar a ler X-Men

O grupo mutante X-Men é um dos maiores títulos da Marvel e sempre compete pela liderança de maior número de edições vendidas da editora e isso é um reflexo da qualidade de seus personagens e histórias.

ESPECIAL: Constantine - Ordem de leitura!

Com tanta série vindo por aí, querer conhecer um pouco mais do que está chegando pode parecer uma boa ideia. Saiba o que ler para ter um conhecimento sobre o  mago inglês mais famoso da DC Comics e estar preparado para o que pode vir a ter na série.

Sweet Tooth #02

Estava bastante ansioso para saber o que sairia desta HQ no segundo episódio. A primeira edição foi boa, e poderia esperar tanto uma estagnação da história, como uma reviravolta. Felizmente, o melhor aconteceu.