Avançar para o conteúdo principal

Arrow S02E10 [Blast Radious]



Retornando de uma AGUARDADA Mid-season, Arrow vem com um episódio sólido e conciso, que nos faz lembrar de porque assistimos religiosamente toda a semana as aventuras do Arqueiro Esmeralda. Veja a review completa aqui, no Crise, mas cuidado! A review pode conter spoilers.





Não tem como negar que Arrow terminou a mid-season dele de uma forma impecável. Também não podemos esquecer de tudo o que aconteceu e de todos os "limites" que a série vem quebrando nessa temporada. Infelizmente, "Blast Radious" não vem com a proposta de quebrar limite algum, simplesmente quer expandi-los.

O episódio é uma continuação completa do anterior, mas não fala quase nada de Barry Allen, simplesmente que ele está em coma. O episódio tem o foco praticamente inteiro em Starling City e nos problemas de um Oliver que está vendo os problemas de seu passado começarem a afetar o seu futuro.

No que leva à questão do Flash (Barry) , do Solomon Grundy (Cyrus) ou do Exterminador (Slade) temos pouquíssimas menções, assim como os flashbacks. Eles são poucos durante o episódio, mas mostram uma ilha mais real e mais bruta.

Seguindo as grandes citações ao "universo-DC"; encontramos um novo policial Lance. O personagem anteriormente era repetitivo e um pouco enjoado, felizmente isso não acontece mais na segunda temporada. Ficamos impressionados com o quão dinâmico e "solto" o personagem está. É uma pena que não podemos dizer o mesmo de Laurel Lance. A personagem está a cada episódio mais opaca e com menos charme. Sua cena no final, graças, é fantástica e dá vontade de esperar até a semana que vem só pra assistir o episódio.

O roteiro é sólido e apresenta um gracejo para aqueles que são fãs de personagens mais alternativos da DC. Quem aparece neste episódio é Mark Scheffer, o Estilhaço. EXTREMAMENTE diferente da sua versão dos quadrinhos, vemos provavelmente o começo de uma loucura. Quem sabe, mais pra frente, o personagem pode vir a retornar?

Outro ponto que vale ressaltar é Sebastian Blood. O personagem aparece em peso, vemos quem é por trás da grande "máscara" de caveira enquanto o ator que o interpreta faz isso de forma simplesmente brilhante.

Roy Harper, no entanto, foi algo que deixou um leve desconforto enquanto estava em cena. Seus repentinos poderes e habilidades "sobre-humanas" não encaixam direito no perfil do personagem - pobre, esforçado e sem nada em excesso. É interessante ver o desenrolar da situação, mas espero que o personagem não continue assim; afinal, o "arqueiro-vermelho" não tem tais poderes.

Se tivemos aproximações entre Oliver e Diggle anteriormente, agora o foco vai para Felicity e o Arqueiro. Vemos uma situação que no início nos dá um pouco de ódio, mas depois é transformado em um agrado ao ver o Vigilante se tornar cada vez mais "cidadão".









Nota 8.9. O roteiro é sólido, a história funciona bem, mas manter tantas coisas em aberto criam um clima de decepção ao redor do episódio.
O episódio acerta: Com o Oliver, Sebastian, Oficial Lance, Sebastian Blood e Felicity; expandindo os universos de cada um deles. Os flashbacks também são agradáveis e envolventes.
O episódio erra: Em não colocar "os pontos nos ís" e deixar muita coisa em aberto.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

ESPECIAL: Constantine - Ordem de leitura!

Com tanta série vindo por aí, querer conhecer um pouco mais do que está chegando pode parecer uma boa ideia. Saiba o que ler para ter um conhecimento sobre o  mago inglês mais famoso da DC Comics e estar preparado para o que pode vir a ter na série.

Invasão - Por onde começar a ler X-Men

O grupo mutante X-Men é um dos maiores títulos da Marvel e sempre compete pela liderança de maior número de edições vendidas da editora e isso é um reflexo da qualidade de seus personagens e histórias.

Supergirl, Lanterna Vermelha

Não é de hoje que a Supergirl tem alguns problemas em controlar sua raiva e alguns sentimentos mais fortes e, de acordo com o novo escritor de Supergirl, Tony Bedard diz que Kara vai evoluir de uma adolescente cheia de raiva para uma adulta, defensora da Terra. Mas primeiro, ela tem que se livrar dessa fúria da juventude! Cuidado com os spoilers: