Avançar para o conteúdo principal

Aves de Rapina #0

Aves de Rapina #0 - encadernado
Nota total: 7,75

Traições, origens, espionagem, Noite das Corujas, Floresta Amazônica e muito Kung Fu das mais lindas mulheres do DCverso. E o melhor de tudo, o Pinguim! Contando com as edições de 8 a 12, vemos o grupo no comando de Hera Venenosa e, em sua edição Zero, como as Aves se conheceram?








Aves de Rapina #08 - 12

Enquanto Sturnia investiga umas paradas, Canário, Katana e Batgirl apanham de uma gangue feita especificamente para capturá-las.

De um capítulo para o outro, a história muda quase que completamente, agora estamos na Noite das Corujas e as Aves enfrentam um dos Garras, criaturas sem alma, reanimadas para a Noite. Dessa vez, a mudança de arco se encaixa bem, passando direto para uma abordagem direta a Hera Venenosa.

A Dra. Pamela Lillian Isley tem pouco tempo de vida e, tramando com suas companheiras de equipe, decide chantageá-las com a mesma cina, para que juntas, possam impedir empresas de destruir o mundo enquanto elas ainda vivem e, achar uma cura para a linda mulher-arbusto. O que vimos, é que Katana não ficou nada feliz com isso.

Passando pela mão de diversos artistas, tendo Jesús Saiz só na
primeira e Travel Foreman nas três seguintes, a qualidade da arte oscila bastante, até dar uma melhorada nas mãos de Cliff Richars.
O roteiro de Duane Swierczynki (que nome é esse, cara...) é bem constante, apesar do pequeno deslize. Nota 6,5


Aves de Rapina #0 - Primeiro Voo

Agindo infiltrada, a ex-espiã Dinah Lance arranja um emprego como leão de chácara de Oswald Cobblepot, o lindo, o pitelzinho, o gelado, Pinguim. É lá que ela conhece sua futura parceira Sturnia. Enquanto ela tenta flagrar uma negociação ilegal, para prender uns bandidos e começar a sua carreira como nova 'mascarada' de Gotham, Canário acaba esbarrando com Batgirl, mais uma de suas futuras companheiras e melhores amigas.

A trama de Swierczynki se desenvolve bem, dando a aparência certa para um primeiro encontro das Aves de Rapina, no que seria o submundo da Cidade de Gotham. Romano Molenaar fica com a parte artística, nos trazendo as voluptuosas mulheres e até mesmo uma cena bem Bond girl de nossa linda Canário Negro. Nota 9,0

Comentários

Mensagens populares deste blogue

ESPECIAL: Constantine - Ordem de leitura!

Com tanta série vindo por aí, querer conhecer um pouco mais do que está chegando pode parecer uma boa ideia. Saiba o que ler para ter um conhecimento sobre o  mago inglês mais famoso da DC Comics e estar preparado para o que pode vir a ter na série.

Invasão - Por onde começar a ler X-Men

O grupo mutante X-Men é um dos maiores títulos da Marvel e sempre compete pela liderança de maior número de edições vendidas da editora e isso é um reflexo da qualidade de seus personagens e histórias.

Primeira Edição: a Kryptonita Rosa

Hoje vamos falar da maior fraqueza do Superman: a kriptonita. Aquela rocha saída do núcleo de Krypton, depois que tudo explodiu. A pedra uma certa radiação que faz um mal danado ao escoteiro azul. Com algumas variações, azul, vermelha, branca e dourada, a kryptonita tem uma irmã que nem todo mundo conhece.