Avançar para o conteúdo principal

Tropa dos Lanternas Vermelhos #01

Tropa dos Lanternas Vermelhos #01
Encadernado Panini

O grande Atrócitus, portador das profecias que, anteriormente, destruiriam o Universo DC como conhecíamos e dominador da Fúria de todo o universo, ganha sua própria revista, juntamente de sua Tropa de Lanternas Vermelhos. Agora, se você comprou essa revista esperando litros e mais litros de sangue a cada página, pode tirando o cavalinho da chuva.


Criado pelas mãos de Geoff Johns e Ethan Van Sciver, Atócitus foi o cara que avisou sobre a Noite Mais Densa para Abin Sur e desencadeou a p*rra toda. Ele sempre foi retratado como o inimigo número um dos Guardiões do Universo, pois esses, condenaram o setor 666, onde ficava seu mundo natal, Ryut. Com uma ira sem controle, ele jura vingança e bla bla bla.


Tropa dos Lanternas Vermelhos - #01 a #07

Agora ele nos é mostrado de uma maneira totalmente diferente. Só, sim, só, porque foi Jordan quem quem matou Krona, o Guardião que autorizou a matança e não ele, sua convicção simplesmente sumiu. Ele diz que está sem um propósito, por isso, sai por aí salvando os irados e queimando os bad guys.

Nas mãos do roteirista Peter Milligan, Atrócitus vira nada mais do que uma flor, comparado ao seu antigo 'eu'. Em sua busca por um motivo, ele sempre conversa com o cadáver de Krona, que fica guardado em Ysmault, o planeta base da Tropa Vermelha, quem tem um lago super bacana de sangue. Entre suas conversas, ele decide devolver a consciência de alguns de seus subordinados, escolhendo primeiramente, a bela e perigosa, Bleez. Depois dela, ele joga mais uns três no lago de sangue, pra 'clarear' a mente dos lanternas. Porém, Atrócitus desconfia que seus fiéis vermelhinhos estejam tramando um golpe.

Voltando a atenção para a Terra, um terráqueo vira Vermelho e se descontrola pela cidade, topando com o, muitas vezes odiado, Guy Gardner. A luta é interrompida, por Jack Moore, o lanterna irado, é puxado pelo anel para Ysmault e lá, vê seu líder, Atrócitus, sendo empalado pela primeiro projeto de tropa de seu soberano.

A espetacular arte do brasileiro Ed Benes é o que da uma pequena salvada na publicação. A revista é pra quem esta interessado em conhecer uma coisa nova na DC, os fãs antigos dos Vermelhos não vão gostar do que fizeram com Atrócitus e os leitores casuais nem vão ligar direito. Uma merecida nota 5,0.


Miau?
E que fique registrado aqui, Dex Starr é o melhor Lanterna Vermelho de todos! Em seguida vem o Guy...

Comentários

Mensagens populares deste blogue

ESPECIAL: Constantine - Ordem de leitura!

Com tanta série vindo por aí, querer conhecer um pouco mais do que está chegando pode parecer uma boa ideia. Saiba o que ler para ter um conhecimento sobre o  mago inglês mais famoso da DC Comics e estar preparado para o que pode vir a ter na série.

Invasão - Por onde começar a ler X-Men

O grupo mutante X-Men é um dos maiores títulos da Marvel e sempre compete pela liderança de maior número de edições vendidas da editora e isso é um reflexo da qualidade de seus personagens e histórias.

Primeira Edição: a Kryptonita Rosa

Hoje vamos falar da maior fraqueza do Superman: a kriptonita. Aquela rocha saída do núcleo de Krypton, depois que tudo explodiu. A pedra uma certa radiação que faz um mal danado ao escoteiro azul. Com algumas variações, azul, vermelha, branca e dourada, a kryptonita tem uma irmã que nem todo mundo conhece.