Avançar para o conteúdo principal

Esquadrão Suicida & Aves de Rapina #04

Esquadrão Suicida & Aves de Rapina - #04 Panini 
(Nota: 8,0)

Esquadrão Suicida #4:

Lendo essa edição do Esquadrão suicida, uma palavra vem à minha mente: inconsistência.
Toda a revista está extremamente forçada, querendo parecer muito mais radical e violenta do que realmente é.


O roteiro não impressiona em nada, pois mistura missões completamente sem graça e mal explicadas com interações de personagens nem um pouco naturais.


E a arte está uma verdadeira bagunça, com a Arlequina usando maquiagem em uma página e sem na outra, a ausência completa de dinâmica de movimento e expressões faciais bizarras.

E não consigo entender a inclusão do Ioiô na equipe, ele só tem uma única cena e é completamente idiota. E o Capitão Bumerangue, coitado, não consegue nem convencer os leitores de que é um vilão legal, pois some da revista mais rápido do que entrou.
Me pergunto por que diabos não usaram essa arte como capa


Aves de Rapina #4:

Agora sim vem a grande surpresa: 
Essa edição de Aves de Rapina está incrível!

A arte de Jesús Saiz chegou a um nível perfeito para a edição, com belíssimos traços femininos e uma dinâmica de ação excelente.
É uma edição bonita de se ler, tanto pelos desenhos quanto pela história e pela caracterização de personagens. Tudo saiu de maneira perfeita nessa edição.

E a escolha de contar a história pelo ponto de vista da Sturnia finalmente faz ela conquistar a simpatia do leitor.

E o mistério no final da edição consegue fisgar o leitor e fazer pela primeira vez o próximo número do título ser realmente desejado.

Só a chamada na capa que não faz sentido, porque a participação da Batgirl na edição é quase que inexistente.
Tudo pelas vendas, né?

Crítica por: Sid

Comentários

Mensagens populares deste blogue

ESPECIAL: Constantine - Ordem de leitura!

Com tanta série vindo por aí, querer conhecer um pouco mais do que está chegando pode parecer uma boa ideia. Saiba o que ler para ter um conhecimento sobre o  mago inglês mais famoso da DC Comics e estar preparado para o que pode vir a ter na série.

Invasão - Por onde começar a ler X-Men

O grupo mutante X-Men é um dos maiores títulos da Marvel e sempre compete pela liderança de maior número de edições vendidas da editora e isso é um reflexo da qualidade de seus personagens e histórias.

Supergirl, Lanterna Vermelha

Não é de hoje que a Supergirl tem alguns problemas em controlar sua raiva e alguns sentimentos mais fortes e, de acordo com o novo escritor de Supergirl, Tony Bedard diz que Kara vai evoluir de uma adolescente cheia de raiva para uma adulta, defensora da Terra. Mas primeiro, ela tem que se livrar dessa fúria da juventude! Cuidado com os spoilers: