Avançar para o conteúdo principal

Arrow S01 E14 [The Odyssey]

Felicity
Depois de um tenso e corrido final do ultimo episódio, The Odyssey vem com tudo para contar coisas sobre o passado de Oliver e tentar decidir outras sobre o futuro do grupo dele. Alerta de spoilers para a resenha do episódio que teve sua exibição no Brasil na ultima segunda feira, 25/2.


Um começo que vai bem direto ao fim do ultimo episódio e continua de lá. E, sim, dessa vez Moira pareceu ser bem convincente como uma desgraça de mãe, possa-se assim dizer. E quando a esperança parece estar perdida, chega a nossa amada Felicity!

Treinamento de Oliver
O episódio deixa bem claro logo no início que ele será focado nos flashbacks. No início, pensei que seria uma má idéia, mas me vi terrivelmente enganado. Os flashbacks se destacam; tornando este o episódio que mais explica sobre a preparação de Oliver como o vigilante. E, é isso mesmo, ele esta naufragado numa ilha onde o único amigo dele se chama Willson, como ele mesmo diz!

De pouco a pouco vemos Oliver crescendo e treinando para tentar sair da ilha, mas não só isso. Seu senso cresceu lá dentro também, agora ficou bem claro porque ele mudou tanto: mudou porque viu que não era nada além de um playboy mesquinho. Encontrou seus erros e definiu seus objetivos. E mesmo assim; ainda não se via como um Herói. Essa claustrofóbica sensação que Oliver passa na ilha, nesse episódio, fora no mínimo deliciosa. Claro, ainda não encerrou de vez a história por trás da ilha, mas inseriu Slade na história, tirou Wintergreen da mesma e caminha para o hoje em dia do vigilante. Ao mesmo tempo, no presente, ele passa por incríveis dores e problemas, obrigando Felicity e Diggle à trabalharem juntos para ajudar ele a - pelo menos - acordar.

Slade. Deslumbrante no episódio.
O episódio foi um soco no estômago daqueles que - como eu - achava que os Flashbacks era só um enche-linguiça exagerado. Na realidade: não é. Tudo ante a isso fora preparando um terreno para um 'desfecho' que aconteceu (em parte) agora; e até mesmo a introdução de uma nova personagem que partilha da mesma tatuagem de Oliver é, no mínimo, interessante.

9.5 eu diria que é a nota do episódio. Só não recebendo um 10 pelos (d)efeitos especiais da luta do Billy contra Slade, que infelizmente deixou um ar meio cômico com a censura as explosões de fanvideo do youtube (Freddie Wong! haha!).

Billy Wintergreen depois de perder para Slade Willson


Oliver Queen é protagonizado por Stephen Amell, a série é dirigida por David Nutter e tem sua exibição no Brasil pelo canal Warner Bros. Toda segunda-feira, às 22 horas.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

ESPECIAL: Constantine - Ordem de leitura!

Com tanta série vindo por aí, querer conhecer um pouco mais do que está chegando pode parecer uma boa ideia. Saiba o que ler para ter um conhecimento sobre o  mago inglês mais famoso da DC Comics e estar preparado para o que pode vir a ter na série.

Primeira Edição: a Kryptonita Rosa

Hoje vamos falar da maior fraqueza do Superman: a kriptonita. Aquela rocha saída do núcleo de Krypton, depois que tudo explodiu. A pedra uma certa radiação que faz um mal danado ao escoteiro azul. Com algumas variações, azul, vermelha, branca e dourada, a kryptonita tem uma irmã que nem todo mundo conhece.

Invasão - Por onde começar a ler X-Men

O grupo mutante X-Men é um dos maiores títulos da Marvel e sempre compete pela liderança de maior número de edições vendidas da editora e isso é um reflexo da qualidade de seus personagens e histórias.